Bomba – O video das fraudes do PT nas eleições

29 de abril de 2017

Sindicato é um câncer que tem que ser banido da face da Terra

29 de abril de 2017

930 545 vues

Mostre esse vídeo pro amiguinho de esquerda que defende os sindicatos e está achando ruim a aprovação de ontem do relatório da reforma trabalhista que inclui o fim do imposto sindical!

COMPARTILHE!

 

100 dias sem um muçulmano na Casa Branca

29 de abril de 2017

Today marks 100 days since President Trump took office. In his short time, he has taken bold action that produced more prosperity, a safer America, and a more accountable government. Show you support President Trump’s progress

18157458_10155400120594474_8395162555491798174_n.png

Bispos comunistas do Brasil que infernizam a vida do Presidente Temer e apoiam as centrais sindicais e o PT – Boicote eles – Boicote suas dioceses – Repassem para seus amigos

29 de abril de 2017

Para vocês terem uma ideia, 89 bispos assinaram manifesto contra as propostas do presidente Temer.

1. Dom Reginaldo Andrietta – Bispo de Jales-SP
2. Dom Odelir José Magri – Bispo de Chapecó-SC
3. Dom Antônio Carlos – Bispo de Caicó-RN
4. Dom Frei Rubival – Bispo de Grajaú-MA
5. Dom Fernando – Arcebispo de Olinda/Recife-PE
6. Dom Manoel João Francisco – Bispo de Cornélio Procópio e Admin Apostólico da Arquidiocese de Londrina-PR
7. Dom Gilberto Pastana – Bispo de Crato-CE
8. Dom Anuar Battisti – Arcebispo de Maringá-PR
9. Dom Manoel Delson – Arcebispo da Paraíba-PB
10. Dom Francisco Biasin – Bispo de Barra do Piraí/Volta Redonda-RJ
11. Dom Paulo Mendes Peixoto – Arcebispo de Uberaba-MG
12. Dom Adriano Ciocca Vasino – Bispo de São Félix do Araguaia-MT
13. Dom José Eudes Campos do Nascimento – Bispo de Leopoldina-MG
14. Dom José Maria – Bispo da Diocese de Abaetetuba-PA
15. Dom Vital Corbellini – Bispo de Marabá-PA
16. Dom Carlos Alberto – Bispo de Juazeiro-BA
17. Dom Flávio Giovenali – Bispo de Santarém-PA
18. Dom Celso Antônio – Bispo de Apucarana-PR
19. Dom Aloísio Jorge Pena Vitral – Bispo de Teófilo Otoni-MG
20. Dom Walmor Oliveira de Azevedo – Arcebispo de Belo Horizonte – MG
21. Dom João Justino de Medeiros Silva – Arcebispo Coadjutor eleito de Montes Claros, transferido de Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
22. Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães-Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
23. Dom Edson José Oriolo dos Santos- Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
24. Dom Otacílio Ferreira de Lacerda- Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
25. Mons. Geovane Luís da Silva- Bispo Auxiliar eleito de Belo Horizonte – MG
26. Mons. Vicente de Paula Ferreira -Bispo Auxiliar eleito de Belo Horizonte – MG
27. Dom Guilherme Porto – Bispo de Sete Lagoas -MG
28. Dom José Aristeu Vieira – Bispo de Luz – MG
29. Dom José Carlos de Souza Campos – Bispo de Divinópolis – MG
30. Dom Miguel Ângelo Freitas Ribeiro – Bispo de Oliveira – MG
31. Dom Mario Antonio da Silva, Bispo de Roraima – RR
32. Dom Sergio Castriani – Arcebispo de Manaus – AM
33. Dom Jaime Vieira Rocha – Arcebispo de Natal – RN
34. Dom Zanoni Demettino Castro – Arcebispo de Feira de Santana – BA
35. Dom Jacinto Brito – Arquidiocese de Teresina – PI
36. Dom Roque Paloschi – Arcebispo de Porto Velho – RO
37. Dom Philip Dickmans – Bispo de Miracema – TO
38. Dom Egídio Bisol – Bispo de Afogados da Ingazeira – PE
39. Dom Paulo Francisco Machado – Bispo de Uberlândia – MG
40. Dom Guilherme Werlang – Bispo de Ipameri – GO
41. Dom Cláudio Sturm – Bispo de Patos de Minas – MG
42. Dom Luiz Flávio Cappio – Bispo de Barra – BA
43. Dom Dirceu Vegini – Bispo de Foz do Iguaçu – PR
44. Mons. Ionilton Lisboa – Bispo eleito da Prelazia de Itacoatiara – AM
45. Dom Francisco de Assis da Silva, Bispo da Igreja Anglicana do Brasil – Santa Maria-RS
46. Dom Francisco de Assis Dantas de Lucena, Bispo de Nazaré – PE
47. Dom Geremias Steinmetz – Bispo de Paranavaí – PR
48. Dom Genival Saraiva Franca – Adm. Apostólico da Paraíba – PB
49. Dom Leonardo Steiner, Secretário Geral da CNBB e Aux. De Brasília – DF
50. Dom Roberto Francisco Ferreíra Paz – Bispo de Campos dos Goytacazes – RJ
51. Dom José Belisário da Silva – Arcebispo de São Luis – MA
52. Dom Jaime Spengler – Arcebispo de Porto Alegre – RS
53. Dom Pedro Casaldáliga – Bispo Emérito de São Félix do Araguaia – MT
54. Dom Evaristo Spengler – Bispo do Marajó – PA
55. Dom Sebastião Lima Duarte – Bispo de Viana – MA
56. Dom Jaime Pedro Kohl – Bispo de Osório – RS
57. Dom José Alberto Moura – Arcebispo de Montes Claros – MG
58. Dom Antônio Muniz – Arcebispo de Maceió – AL
59. Dom Severino Clasen – Bispo de Caçador – SC
60. Dom Jesus María Cizaurre Berdonces – Bispo de Bragança – PA
61. Dom Vilsom Basso – Bispo de Caxias, nomeado para Imperatriz – MA
62. Dom Adelar Baruffi – Bispo de Cruz Alta – RS
63. Dom Eugênio Rixen – Bispo de Goiás – GO
64. Dom Irineu Andreassa – Bispo de Ituiutaba – MG
65. Dom André de Witte – Bispo de Ruy Barbosa – BA
66. Dom Júlio Endi Akamine – Arcebispo de Sorocaba – SP
67. Dom Moacyr Grechi – Arcebispo Emérito de Porto Velho – RO
68. Dom João Francisco Salm – Bispo de Tubarão e Presidente da CNBB Sul 4 – SC
69. Dom José Luiz Magella Delgado– Arcebispo de Pouso Alegre – MG
70. Dom Antônio Emídio Vilar – Bispo de São João da Boa Vista – SP
71. Dom Pedro José Conti – Bispo de Macapá – AP
72. Dom Nerí José Tondello – Bispo de Juína – MT
73. Dom José Valdeci Santos Mendes – Bispo de Brejo – MA
74. Dom Sebastião Bandeira – Bispo de Coroatá – MA
75. Dom Luiz Carlos Eccel – Bispo Emérito de Caçador – SC
76. Dom Pedro Carlos Cipollini – Bispo de Santo André – SP
77. Dom Giovane de Melo – Bispo de Tocantinópolis – TO
78. Dom Antônio Roberto Cavuto – Bispo de Itapipoca – CE
79. Dom Angélico Sândalo Bernardino – Bispo Emérito de Blumenau – SC
80. Dom Zenildo Luiz Pereira da Silva – Bispo Coadjutor de Borba – AM
81. Dom Élio Rama – Bispo de Pinheiro – MA
82. Dom Marco Aurélio Gubiotti – Bispo de Itabira-Coronel Fabriciano – MG
83. Dom Enemésio Angelo Lazzaris – Presidente Nacional da CTP e Bispo de Balsas – MA
84. Dom José Vasconcelos – Bispo de Sobral – CE
85. Dom João da Costa – Arcebispo de Aracaju – SE
86. Dom Juventino Kestering – Bispo de Rondonópolis/Guiratinga (MT)
87. Dom Armando Martín Gutiérrez – Bispo de Bacabal – MA
88. Dom Pedro Luiz Stringhini – Bispo de Mogi das Cruzes – SP
89. Dom Luiz Gonzaga, Bispo de Amparo – SP

Quem é o terrorista?

29 de abril de 2017

ELES?

18157705_10212732217731291_9026921985413499401_n

 

NÓS?

Um motorista furou o bloqueio montado por terroristas, na fracassada greve geral de 28/04/2107, e, atropelou manifestantes na Rodovia Presidente Dutra (BR-116), em São José dos Campos-SP, no Brasil.

 

 

100 dias que o racista anti branco e garoto de recados do Estado Islâmico foi chutado fora da Casa Branca

29 de abril de 2017

Graças a Deus!

Estamos livres há 100 dias do monstro.

Thank you, President Trump

18193741_1440590569309693_7937000497181738191_n (1)

OLLHA A DIFERENÇA

Presidente Trump nomeia líder pró-vida para posto no “ministério da Saúde” dos EUA

Julio Severo

O presidente americano Donald Trump nomeou uma líder pró-vida para um posto elevado no Ministério da Saúde e Serviços Humanos, que é o ministério da Saúde dos EUA. Essa nomeação me alegra de forma especial, pois essa líder é minha amiga de Facebook há muitos anos.
A nomeação dela continua os esforços pró-vida do presidente Trump desde sua posse, primeiro restabelecendo a Política da Cidade do México, a qual proíbe dinheiro de impostos do governo americano de ir para organizações pró-aborto.

Trump também retirou as verbas do governo americano para o Fundo de População da ONU (FNUAP), que é uma entidade que sustenta o controle populacional no mundo inteiro.

O presidente Donald Trump disse na sexta-feira que ele nomearia Charmaine Yoest, a ex-presidente de Americans United for Life (Americanos Unidos pela Vida), uma das organizações pró-vida mais proeminentes dos EUA, para um cargo elevado no setor de comunicações do ministério da Saúde. Yoest se tornaria vice-secretária de assuntos públicos — uma posição que molda os esforços de comunicação desse ministério.

Diferente de Trump, que acredita que o aborto no caso de estupro e incesto é válido, Yoest tem uma postura pró-vida muito mais firme.

Do amigo Júlio Severo

28 de abril de 2017

A greve dos vagabundos foi um fracasso. A prova é que de raiva os fracassados estão queimando ônibus que os trabalhadores usam para trabalhar.

Se eles trabalhassem e usassem ônibus, jamais pensariam em queimá-los. São vagabundos contra os trabalhadores. Merecem prisão.

Cidadão Brasileiro patriota que teve violentado o seu sagrado direito de ir e vir, e que atropelou, tentando fugir dos terroristas, é chamado de herói e de patriota pelos comentaristas do G1

28 de abril de 2017

O G1 da Globo é maravilhoso. 21:45. 750 patriotas já manifestaram seu apoio ao nosso herói patriota do dia e do ano.

7:28 do sábado 29/04/17 – Já são 800 manifestações de  apoio de leitores do G1.

Todos  com inveja de não ter estado no lugar dele e assumindo isto nos comentários do G1.

Não imaginava que o povo está assim com tanto ódio do PT.

http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/manifestantes-sao-atropelados-durante-ato-na-marginal-da-dutra-em-sao-jose.ghtml

18119305_1422357954453834_4485065755280957671_n

Brutais terroristas destruindo o transporte do pobre e sofrido povo do Rio de Janeiro-RJ

onibus-incendiados-rio


É CONTRA ISTO – OS TERRORISTAS ESTÃO CONTRA ESTAS NOTÍCIAS PARA LÁ DE EXCELENTES

Levantamento do Instituto Brasileiro de Economia de Economia da Fundação Getulio Vargas revela que IGP-M caiu 1,10% em abril

Índice que reajusta aluguel recua e tem a menor taxa desde 1989

Levantamento da Fundação Getulio Vargas revela que IGP-M caiu 1,10% em abril

 Legislação Trabalhista

Temer: aprovação da modernização é “novo ciclo político”

Nas redes sociais, presidente atribui resultado ao diálogo com a sociedade. Porta-voz destaca geração de empregos e direitos dos trabalhadores

Retomada do Crescimento

Brics deve investir nas cidades brasileiras, diz presidente do banco

Em encontro com o presidente da República, Michel Temer, executivo da instituição defende atuação conjunta para desenvolver economias locais

Despesas de custeio foram de R$ 3,1 bilhões no primeiro trimestre de 2017 e caíram na comparação com mesmo período de 2016Gastos administrativos do governo caem 10,2% no primeiro trimestre

Economia nas contas de luz e água foi o principal influenciador na redução nas despesas

Lei do Terrorismo na qual devem ser enquadrados os terroristas da fracassada greve geral no Brasil em 28 de abril de 2017

28 de abril de 2017

IV – sabotar o funcionamento ou apoderar-se, com violência, grave ameaça a pessoa ou servindo-se de mecanismos cibernéticos, do controle total ou parcial, ainda que de modo temporário, de meio de comunicação ou de transporte, de portos, aeroportos, estações ferroviárias

partiram pro crime!! Acorda, Brasil!
“Grevistas” colocam manilhas de concreto na linha do trem. Isso aconteceu na grande Natal-RN.
Como apoiar uma coisa assim?

Isso é tentativa de assassinato! Quem apoia essa gente é Lula e Cia que querem voltar ao poder e acabar de vez com nossa Pátria.

Não podemos deixar a volta desses comunas.

ou rodoviárias, hospitais, casas de saúde, escolas, estádios esportivos, instalações públicas ou locais onde funcionem serviços públicos essenciais, instalações de geração ou transmissão de energia, instalações militares, instalações de exploração, refino e processamento de petróleo e gás e instituições bancárias e sua rede de atendimento;

Assistiram àquilo tudo bestializados

28 de abril de 2017

18194992_1935778646653635_787408658100894645_n

18157598_1827134897546886_969826788929315237_n

18158005_583797305077750_2204855992575811110_n


BRASIL VAI DE VENTO EM POPA E TERRORISTAS QUEREM CORTAR O BARATO E VOLTAR COM A INFLAÇÃO

Índice que reajusta aluguel recua e tem a menor taxa desde 1989

Índice que reajusta aluguel recua e tem a menor taxa desde 1989

Índice que reajusta aluguel recua e tem a menor taxa desde 1989

FGV

Levantamento do Instituto Brasileiro de Economia de Economia da Fundação Getulio Vargas revela que IGP-M caiu 1,10% em abril
por Portal BrasilPublicado: 27/04/2017 15h55Última modificação: 27/04/2017 16h00
Foto: Arquivo/EBCLevantamento foi calculado com base na variação de preços constatados entre 21 de março e 20 deste mês

Levantamento foi calculado com base na variação de preços constatados entre 21 de março e 20 deste mês

Utilizado para reajustar grande parte dos contratos imobiliários, o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) recuou 1,10% em abril e atingiu a menor taxa mensal desde 1989, início da série histórica. No acumulado do primeiro quadrimestre deste ano, a taxa ficou negativa em 0,36%, e nos 12 meses, atingiu 3,37%.

O levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Economia de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) foi calculado com base na variação de preços constatados entre os dias 21 de março e 20 deste mês.

Entre os três componentes do IGP-M, o que mais influenciou a queda foi o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que passou de variação negativa de 0,17% para uma retração de 1,77%. E, no conjunto desse segmento, o destaque foi o grupo de matérias-primas brutas, que apresentou uma diminuição de 5,22% ante uma baixa de 0,05%.

Já o IPC (Índice de Preços ao Consumidor), com peso de 30% no IGP-M, desacelerou a alta a 0,33% em abril, depois de ter avançado 0,38% no mês anterior. Segundo a FGV, a principal contribuição partiu do grupo Habitação, que desacelerou a alta a 0,02%, ante 0,84%, com destaque para tarifa de eletricidade residencial.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que também é usado para calcular o IGP-M, mas com peso menor do que os outros subíndices, também registrou taxa de variação de -0,08%. No mês anterior, variou 0,36%.

Fonte: Portal Brasil, com informações da Agência Brasil

Tia Anastácia se declara quilombola

28 de abril de 2017

A líder do “Movimento Negro” do “Sítio do Pica-Pau Amarelo”, agora chamada de Companheira Anastácia, se declara quilombola, e, pede demarcação das terras.

Inventou que o bisavô dela se escondia nas matas onde, 100 anos depois, dando duro, a Ex-Dona Benta, construíu o sítio.

Com as “Caçadas de Pedrinho” proibidas pelo IBAMA, pouco resta a fazer no sítio.

Os “Sem-Terra” andam rondando o “Sítio do Pica-Pau Amarelo” e já informaram ao INCRA que a área é improdutiva pois só nasce literatura por lá.

“Benta”, que agora não é “Dona” de porra nenhuma, pretende viver do “Bolsa-Família”.

Espera-se conflito entre quilombolas (de araque), sem-terras (de araque), e, índios fabricados pelo PT.

15965505_1420977671258529_8654368922786778171_n

Malta explica o terrorismo petista

28 de abril de 2017

VOCÊ SABE QUEM ESTÁ CONVOCANDO OS TRABALHADORES PARA FAZER GREVE???

168 076 vues
Avança Brasil 

Você acha que as pessoas estão convocando para a greve tem autoridade????
Esta greve tem um objetivo: EVITAR O FIM DOS SINDICATOS!

Entenda com Magno Malta a trama montada!!!

Estudantes Brasileiros também são recrutados para o terrorismo petralha

27 de abril de 2017

31 841 vues

Terrorism is child abuse!

#TerrorismIsChildAbuse

Genocídio Branco na África do Sul pelo partido político do ex-terrorista Mandela

27 de abril de 2017

Depuis 1994, date de l’arrivée de l’ANC au pouvoir, 70.000 Blancs ont été tués, dont plus de 4.000 fermiers. C’est ça le

Não é possível aceitar que senadores agitem greve geral

27 de abril de 2017

 

16 038 vues

Não é greve. É terrorismo.
Dia 28/04/2017 os petistas com seus vagabundos de plantão irão se manifestar para pedir novas eleições na tentativa desesperada de eleger o seu vagabundo mestre Lula ainda esse ano para o mesmo se livrar da cadeia.

Legislação do Trabalho adequada ao Século XXI

27 de abril de 2017

GOVERNO

Câmara dos Deputados aprova projeto de modernização da legislação trabalhista

Geração de empregos

Proposta reforça, entre outros pontos, os acordos coletivos de trabalho e regulamenta jornadas intermitentes e empregos temporários
por Portal BrasilPublicado: 26/04/2017 23h10Última modificação: 26/04/2017 23h10
Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilEm votação com quórum alto, os deputados federais aprovaram o texto-base do projeto que moderniza as relações de trabalho

Em votação com quórum alto, os deputados federais aprovaram o texto-base do projeto que moderniza as relações de trabalho

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (26), por 296 votos a 177, o texto base do projeto de lei que moderniza as relações trabalhistas no País. Com potencial de reanimar o mercado de trabalho e dar segurança jurídica às empresas, o acordo coletivo prevalecerá sobre a lei e o sindicato e não mais precisará auxiliar o trabalhador na rescisão trabalhista.

Com as mudanças, trabalhadores e empresas poderão se adaptar às mudanças da realidade atual do mercado de trabalho, mais dinâmico, e também reduzir a informalidade da mão-de-obra no País. Os destaques ainda estão sendo analisados pelos parlamentares.

Entre os principais aprimoramentos em relação à Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), está a prevalência dos acordos entre patrões e empregados sobre a legislação, a regulamentação da jornada de trabalho intermitente e do temporário, o parcelamento de férias, que estão dentro dos 16 pontos em que os acordos irão se sobrepor à lei.

Para proteger o trabalhador, o texto aprovado prevê salvaguardas. Por exemplo, pontos como jornada de trabalho e banco de horas poderão se tornar mais flexíveis, mas outros direitos garantidos pela Constituição Federal, como o direito ao 13º salário, não poderão ser reduzidos ou alterados.

Além disso, o texto também proíbe a demissão de um funcionário e a recontratação imediata como terceirizado. Pela proposta, fica estabelecida uma quarentena de 18 meses para a recontratação por outro modelo.

Uma das principais medidas econômicas do governo federal, a modernização da CLT irá desafogar a Justiça do Trabalho e simplificar algumas categorias profissionais, que por vezes são regidas por sete legislações diferentes.

Fonte: Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative CommonsCC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Confira os principais pontos da proposta de reforma trabalhista

27 de abril de 2017
25/04/2017 – 23h30Atualizado em 27/04/2017 – 03h21
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura ‘Agência Câmara Notícias

Plenário da Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta quinta-feira (27) o Projeto de Lei 6787/16 na versão apresentada pelo relator, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN). Texto seguirá para votação no Senado

Confira os principais pontos:

  • Negociação

Negociação entre empresas e trabalhadores vai prevalecer sobre a lei para pontos como: parcelamento das férias em até três vezes; jornada de trabalho, com limitação de 12 horas diárias e 220 horas mensais; participação nos lucros e resultados; jornada em deslocamento; intervalo entre jornadas (limite mínimo de 30 minutos); extensão de acordo coletivo após a expiração; entrada no Programa de Seguro-Emprego; plano de cargos e salários; banco de horas, garantido o acréscimo de 50% na hora extra; remuneração por produtividade; trabalho remoto; registro de ponto. No entanto, pontos como fundo de garanta, salário mínimo, 13º salário e férias proporcionais não podem ser objeto de negociação.

  • Fora da negociação

As negociações entre patrões e empregados não podem tratar de FGTS, 13º salário, seguro-desemprego e salário-família (benefícios previdenciários), remuneração da hora de 50% acima da hora normal, licença-maternidade de 120 dias, aviso prévio proporcional ao tempo de serviço e normas relativas à segurança e saúde do trabalhador.

  • Trabalho intermitente

Modalidade pela qual os trabalhadores são pagos por período trabalhado. É diferente do trabalho contínuo, que é pago levando em conta 30 dias trabalhados, em forma de salário. O projeto prevê que o trabalhador receba pela jornada ou diária, e, proporcionalmente, com férias, FGTS, previdência e 13º salário.

  • Fora do trabalho intermitente

Marinho acatou emendas que proíbem a contratação por meio de contrato de trabalho intermitente de aeronautas, que continuarão regidos por lei específica.

  • Rescisão contratual

O projeto de lei retira a exigência de a homologação da rescisão contratual ser feita em sindicatos. Ela passa a ser feita na própria empresa, na presença dos advogados do empregador e do funcionário – que pode ter assistência do sindicato. Segundo o relator, a medida agiliza o acesso do empregado a benefícios como o saque do FGTS.

  • Trabalho em casa

Regulamentação de modalidades de trabalho por home office (trabalho em casa), que será acordado previamente com o patrão – inclusive o uso de equipamentos e gastos com energia e internet.

  • Representação

Representantes dos trabalhadores dentro das empresas não precisam mais ser sindicalizados. Sindicatos continuarão atuando nos acordos e nas convenções coletivas.

  • Jornada de 12 x 36 horas

O projeto estabelece a possibilidade de jornada de 12 de trabalho com 36 horas de descanso. Segundo o relator, a jornada 12×36 favorece o trabalhador, já que soma 176 horas de trabalho por mês, enquanto a jornada de 44 horas soma 196 horas.

  • Ações trabalhistas

O trabalhador será obrigado a comparecer às audiências na Justiça do Trabalho e arcar com as custas do processo, caso perca a ação. Hoje, o empregado pode faltar a até três audiências judiciais.

  • Terceirização

O projeto propõe salvaguardas para o trabalhador terceirizado, como uma quarentena de 18 meses para impedir que a empresa demita o trabalhador efetivo para recontratá-lo como terceirizado.

  • Contribuição sindical

A proposta torna a contribuição sindical optativa. Atualmente, o pagamento é obrigatório para empregados sindicalizados ou não. O pagamento é feito uma vez ao ano, por meio do desconto equivalente a um dia de salário do trabalhador.

  • Sucessão empresarial

O projeto prevê que, no caso em que uma empresa adquire outra, as obrigações trabalhistas passam a ser de responsabilidade da empresa sucessora.

  • Ambiente insalubre

Marinho acatou emenda sugerida pela deputada Laura Carneiro (PMDB-RJ) que determina o afastamento de mulheres grávidas de ambientes considerados insalubres em grau máximo. Nas atividades insalubres em graus médio e leve, o afastamento depende de atestado de médico de confiança da trabalhadora que recomende o afastamento durante a gestação.

  • Justiça do Trabalho

O projeto torna mais rigorosos os pressupostos para uma ação trabalhista, limita o poder de tribunais de interpretarem a lei e onera o empregado que ingressar com ação por má fé. Em caso de criação e alteração de súmulas nos tribunais, por exemplo, passa a ser exigida a aprovação de ao menos dois terços dos ministros do Tribunal Superior do Trabalho. Além disso, a matéria tem que ter sido decidida de forma idêntica por unanimidade em pelo menos dois terços das turmas, em pelo menos dez sessões diferentes.

  • Regime parcial

O parecer do relator estabelece que trabalho em regime de tempo parcial é de até 30 horas semanais, sem a possibilidade de horas suplementares por semana, ou de 26 horas por semana – neste caso com a possibilidade de 6 horas extras semanais. As horas extras serão pagas com o acréscimo de 50% sobre o salário-hora normal. Atualmente, trabalho em regime de tempo parcial é aquele que tem duração máxima de 25 horas semanais e a hora extra é vedada.

  • Multa

Na proposta original, apresentada pelo governo, a multa para empregador que mantém empregado não registrado era de R$ 6 mil por empregado, valor que caía para R$ 1 mil para microempresas ou empresa de pequeno porte. Em seu parecer, porém, Rogério Marinho reduziu o valor da multa, respectivamente, para R$ 3 mil e R$ 800. Atualmente, a empresa está sujeita a multa de um salário mínimo regional, por empregado não registrado, acrescido de igual valor em cada reincidência.

  • Recontratação

O texto modifica o substitutivo anterior para proibir uma empresa de recontratar, como terceirizado, o serviço de empregado demitido por essa mesma empresa. Modifica a Lei 6.019/74.

  • Tempo de deslocamento

O tempo despendido pelo empregado até o local de trabalho e para o seu retorno, por qualquer meio de transporte, não será computado na jornada de trabalho. A CLT, hoje, contabiliza como jornada de trabalho deslocamento fornecido pelo empregador para locais de difícil acesso ou não servido por transporte público. Segundo Rogério Marinho, o dispositivo atual desestimula o empregador a fornecer transporte para seus funcionários.

  • Acordos individuais

Os trabalhadores poderão fazer acordos individuais sobre parcelamento de férias, banco de horas, jornada de trabalho e jornada em escala (12×36).

  • Banco de horas

A lei atual permite o banco de horas: a compensação do excesso de horas em um dia de trabalho possa ser compensado em outro dia, desde que não exceda, no período máximo de um ano, à soma das jornadas semanais de trabalho previstas, nem seja ultrapassado o limite máximo de dez horas diárias. O substitutivo permite que o banco de horas seja pactuado por acordo individual escrito, desde que a compensação se realize no mesmo mês.

  • Trabalhador que ganha mais

Relações contratuais firmadas entre empregador e empregado portador de diploma de nível superior e que receba salário mensal igual ou superior a duas vezes o limite máximo dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social prevalecem sobre o que está escrito na CLT.

  • Demissão

O substitutivo considera justa causa para rescisão do contrato de trabalho pelo empregador a perda da habilitação ou dos requisitos estabelecidos em lei para o exercício da profissão pelo empregado. Rogério Marinho acatou emenda que condiciona essa demissão “caso haja dolo na conduta do empregado”.

  • Custas processuais

Nos dissídios individuais e nos dissídios coletivos do trabalho, nas ações e procedimentos de competência da Justiça do Trabalho, bem como nas demandas propostas perante a Justiça Estadual, no exercício da jurisdição trabalhista, as custas relativas ao processo terão valor máximo de quatro vezes o teto dos benefícios do Regime Geral da Previdência Social, que em valores atuais corresponde a R$ 22.125,24.

  • Justiça gratuita

O projeto permite aos juízes, órgãos julgadores e presidentes dos tribunais do trabalho de qualquer instância conceder o benefício da justiça gratuita a todos os trabalhadores que perceberem salário igual ou inferior a 40% do limite máximo dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social. A proposta anterior estabelecia limite de 30%.

  • Tempo de trabalho

O substitutivo altera o artigo 4º da CLT para desconsiderar como extra da jornada de trabalho atividades particulares que o trabalhador realiza no âmbito da empresa como: descanso, estudo, alimentação, atividade social de interação entre colegas, higiene pessoal e troca de uniforme.

  • Jornada excedente

Hoje, a CLT permite que a jornada de trabalho exceda o limite legal (8 horas diárias e 44 semanais) ou convencionado se ocorrer necessidade imperiosa. A duração excedente pode ser feita se o empregador comunicar a necessidade à autoridade competente dez dias antes. O projeto acaba com essa obrigação.

  • Penhora

Emenda aprovada da deputada Gorete Pereira (PR-CE) incluiu no texto a dispensa para as entidades filantrópicas do oferecimento de garantia ou de bens à penhora em causas trabalhistas. A dispensa se estende àqueles que compuseram a diretoria dessas instituições.

Aviso urgente contra arruaceiros do 28 de abril

26 de abril de 2017

18158005_583797305077750_2204855992575811110_n

Porque George Soros promove o White Genocide no mundo todo?

26 de abril de 2017

Movimentos que representam centenas de milhares de brasileiros encaminham documento solicitando o VETO de TEMER à LEI de Imigração

Movimentos que representam centenas de milhares de brasileiros encaminham documento solicitando o VETO de TEMER à LEI de Imigração

Lei de IMIGRAÇÃO

Entidade que reúne movimentos organizados pró-Brasil encaminharam documento ao presidente solicitando veto para a nova lei de imigração. Eexplicam que vetar a nova lei não tem nada a ver com implementar políticas anti-humanitárias. A carta, elaborada em conjunto e por iniciativa de um dos descendentes da família real brasileira, deixa bem claro que o Brasil pode e deve continuar aceitando refugiados e imigrantes, mas que o interesse dos BRASILEIROS deve ser sempre considerado na aplicação de políticas nessa questão.

18119607_1661816044126815_6586879455317628555_n

“Se o País não está dando conta de si mesmo, como espera dar cidadania imediata, com todos os direitos dos próprios nacionais a quem sequer domina o idioma?”

As razões apresentadas para que TEMER vete a lei são:

  • riscos para segurança nacional,
  • riscos para os serviços de segurança pública interna,
  • sobrecarga nos serviços básicos de saúde, saneamento, previdência, educação e
  • compromete o significado e valor da cidadania brasileira
  • compromete a definição de território brasileiro
  • compromete a legitimidade das instituições brasileiras
  • dá direitos a não cidadãos de formarem partidos políticos e sindicatos
  • aumenta sem limites a oferta de mão de obra desqualificada
  • aumenta sem limites a demanda por programas sociais
  •  limita-se os poderes de Estado de extraditar e proteger cidadãos brasileiros

A Sociedade Militar concorda com o documento que foi encaminhado ao presidente Michel TEMER pelo movimento CONVERGÊNCIAS. A íntegra pode ser vista no portal CONVERGÊNCIAS.

Revista Sociedade Militar

Read more

http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2017/04/movimentos-que-representam-centenas-de-milhares-de-brasileiros-encaminham-documento-solicitando-o-veto-de-temer-a-lei-de-imigracao.html

Kit arruaça – Já estou pronto para sexta cheira

26 de abril de 2017

kit arru

Venha militar no Partido para ter um Brasil por inteiro

26 de abril de 2017

 

251 476 vues

Patriotas do Diretório de Canoas coletando assinaturas para o Registro do Partido Militar no centro de Porto Alegre.

The Cultural Marxist Checklist

25 de abril de 2017

18119493_1920020481565383_2444116858185101037_n

flder

A volta das eleições diretas para presidente da república foi um fracasso no Brasil

25 de abril de 2017

18033409_1489798281090910_661280035163826757_n

18011039_1319168084829338_6718335287546475566_n

17883596_1345723532185364_753253860854397435_n

17991948_219812398503522_4991270436052522526_n

18119115_1701411113489776_2487646539154933062_n

Quem é maior seca pimenteira do mundo?

24 de abril de 2017

17861950_1403606192995677_8485600565601206564_n

Nacionalidade de quem currou jovens brancas alemãs no ano de 2016

24 de abril de 2017

White Genocide in Germany

C-LXrERW0AEkfHU

O Brasil será a Nova e Imensa Cuba

24 de abril de 2017

Discurso Histórico do Coronel Lício Augusto Maciel

24 de abril de 2017

Tirando a Máscara

24 de abril de 2017

DIMANCHE, JE a VOTE MARINE

21 de abril de 2017

Nous ferons barrage au mondialiste Macron! Rendez-vous dans 15 jours! 🇫🇷

Retweeted Avec Marine 🇫🇷 (@avec_marine):

Merci Marine !!!!!! 🇫🇷 https://t.co/eYKpMi5wI4

8:00 horário de Paris

seg turno

primeiro tur

result

C996pVrXkAAV1y8

18033810_10155230724040789_417964298379411370_n

C-Bpj7FXcAEE2EJ

18034273_1725849094098074_4556681036033677977_n

C-F24SdW0AAD64I

C99vUTNXgAEFzwh

OU É MARINE OU CONTINUA ASSIM

C9_02UoXgAAP26K

18034109_1275750389198872_6214298288414401273_n


22 de abril

DESCOBRIMENTO DO BRASIL

ACHAMENTO DO BRASIL

18033437_1901218956803129_5890996566230682928_n

Vive Marine Le Pen – Vive le Front National – Vive la France – Dimanche, que l’amour de notre nation s’exprime dans les urnes!

21 de abril de 2017

Você não pensa, Você não se expressa – Você é papagaio da Globo

21 de abril de 2017

doutrin

18010882_1622145474481274_5624281990466991491_n.jpg

Aniversário dos Sonhos – Hotel Ritz – Place Vendome – Paris – Quem gosta de pobreza é intelectual

21 de abril de 2017

Quem não aceita a doutrinação LGBT é nazista

21 de abril de 2017

Pause
-3:21

Remettre le son

Paramètres visuels supplémentaires

Afficher en plein écran

594 665 vues

Não há doutrinação dizem os Partidos Socialistas e os Militantes (LGBT, Feminismo) nas escolas. néh.#dd

General Heleno e a podridão do Brasil – Entrevista para a repórter mais linda e doce do Brasil

21 de abril de 2017

CASSAR O PT O MAIS CORRU PT O DOS PARTIDOS POLÍTICOS DO P LANETA T ERRA

21 de abril de 2017
148 925 vues

Veja o documento que pode dar fim ao PT no Brasil e fazer com que todos os políticos petistas e dos demais partidos membros do Foro de São Paulo percam seus cargos de uma vez só!

DIVULGUEM O MÁXIMO POSSÍVEL!
Curta a nossa página para ver o que a imprensa brasileira esconde de você!

Leia o Dossiê URSAL:
www.dossieursal.com

Documento impetrado no TSE sob o PROTOCOLO 58362016:
www.ucopbrasil.com.br/download/derrubarpartidos.doc

Inscreva-se para participar da Ocupação do Congresso Nacional:
www.ucopbrasil.com.br

André Basílio
UCOP BRASIL
O Brazil de Fora do Brasil