Posts Tagged ‘bolsonaro’

São Paulo detonou o PT

07/10/2014

7104_989147331111819_2096997446660726010_n

10590610_553543338080997_3477127286085761890_n

10646636_829589357086503_2761937946621148380_n

10473193_828962710482501_3046528780736656329_n

1798627_552795231489141_5933187182124901527_n

10629568_350239245144020_6720920778135072833_n

O Partido dos Trabalhadores PT no Poder – Não sai mais do poder, como não sai mais o Partido Comunista Cubano – Roubalheira e Podridão Moral da Sociedade

08/04/2014

LAVEM O BRASIL

10154208_478583185577013_7176310174828353445_n

10154447_1436239146617567_6902154087400932355_n

1959382_614319191972504_1381627038_n

Fatos atos e fotos a foto do fato no ato e no foco

06/04/2014

https://homemculto.com/2014/01/27/a-cruzada-contra-rachel-sheherazade/ 

María Corina Machado no Senado Federal do Brasil:

Quanto desrespeito a uma mulher digna e valente!!!

“Apesar da vergonha que os brasileiros de bem e amantes da liberdade, da lei e da ordem sentimos, com o posicionamento canalha do governo brasileiro e seus aliados desde que começaram esses episódios, essa visita serviu para deixar claro à María Corina que nós também caminhamos para uma ditadura como a que ela vive hoje em seu país e que aqui ela e os venezuelanos que lutam pela sua liberdade JAMAIS encontrarão respaldo.

A cobertura foi pífia e creio mesmo que censurada, pois não se encontrou em lugar nenhum a gravação desta audiência, a não ser parte do discurso […]”

1979895_761308943887459_9003684662267880259_n

10151834_742528072459256_246733633_n

Na guerra a primeira vítima é a verdade. Temas dos quais hoje se fala abertamente, em 1985 ainda eram tabu. Um deles era a verdade sobre a guerrilha urbana vivida no país nos grandes centros no fim dos anos 60 e década de 70.

Foi um período em que o Estado e terroristas se digladiavam pelo violento uso das armas, travavam uma guerra surda em plena calçada à luz do dia e no interior dos apartamentos, os chamados aparelhos, com mortes de ambos os lados, inclusive de inocentes.

Concedida a anistia política em que os contendores supostamente varreram para debaixo do tapete seus antagonismos ideológicos, e restabelecida a democracia, iniciou-se uma outra guerra não menos suja, a das palavras.

Subversivo passou a ser chamado de defensor da democracia, possivelmente a que aprenderam com Fidel, Mao e Stalin.

Algumas expressões já eram conhecidas no jargão revolucionário: “roubo a banco” era apenas “expropriação”, ou “assassinato” era “justiçamento”.

1959244_263336110505987_647184463_n

10246330_10200930873874011_619753306449874457_n

1982194_10202063261369161_1242436380_n

10246436_645171748902713_192311902_n

verme

De 513 deputados federais – só só UM faz oposição ao PT

23/11/2013

A Perseguição a Bolsonaro que quer a Redução da Maioridade Penal

19/09/2013
Meu filho, o deputado estadual Flávio Bolsonaro (PP-RJ) foi indiciado pelo Ministério Público por expor foto de estuprador em seu site. Todos os meios de comunicação divulgaram imagem do marginal, que fazia suas vítimas nos ônibus, só que o bandido foi solto após identifacarem que o marmanjo era na verdade, “um pobre coitado, vítima da sociedade e… MENOR DE IDADE”.

A proposta mais antiga, A PEC 391/96 que versa sobre a REDUÇÃO da MAIORIDADE PENAL é de minha autoria, logo tem prioridade em caso de votação, entretanto, não há vontade política do atual governo do PT em tratar do assunto, mesmo que todas as pesquisas mostrem que no mínimo, 90% da população apóie esta iniciativa. Enquanto isso, eles vão cometendo crimes e rindo de nossa cara.

http://goo.gl/BLA03h

Da série Valores Invertidos

19/09/2013

946714_553470938035023_1466992479_n

Bolsonaro: Comissão da Verdade Sufocada deveria mandar prender Dilma (Patrícia – Wanda)

11/05/2013

BRILHANTE CORONEL USTRA!!!!!

O coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra fêz juz ao nome. Foi BRILHANTE e disse o que 190 milhões de brasileiros deveriam repetir todos os dias: A Dilmaluca é uma terrorista,assassina e sem vergonha.

Não existe ex-assassino ou ex-terrorista, a pessoa é e pronto.

Comissão da Verdade
Comandante Ustra afirma em depoimento que presidente Dilma era terrorista

Coronel reformado diz que defendeu país do comunismo; Depoimento foi marcado por muito tumulto, com direito a gritaria e tapas na mesa”

http://www.otempo.com.br/capa/política/comandante-ustra-afirma-em-depoimento-que-presidente-dilma-era-terrorista-1.642227

O movimento armado de 31 de março de 1964, que depôs João Goulart do cargo de Presidente da República, impediu um golpe que os comunistas planejavam desencadear naquela conjuntura que julgavam oportuna, em face dos desmandos de toda ordem, sobretudo políticos e econômicos, bem como da falta de autoridade que o País mal suportava. Salomão Malina, antigo Secretário-Geral do Partido Comunista Brasileiro, em entrevista à imprensa, reconheceu que setores do PCB, com a aprovação de Luiz Carlos Prestes, conspiravam com aquele propósito, por isso que, ardilosamente, iriam aproveitar-se do clima de agitação reinante, na maior parte, provocado pelo próprio governo.

O Brasil caminhava, aceleradamente, para um desfecho imprevisível, em virtude do ambiente de desordem generalizada que se agravara a partir de 1961. Entretanto, os golpistas do “partidão” e seus aliados, mais uma vez, como já acontecera em investidas anteriores, que a história registra em cores fortes, não souberam identificar, na sociedade, a inquestionável repulsa a seus intentos de subversão da ordem e extremada violência.

Dessa forma, entende-se o movimento armado de 31 de março, sem qualquer dúvida, como uma contrarrevolução que veio em socorro do povo brasileiro ameaçado seriamente pela baderna e pelo caos. Hoje, os integrantes da frente de esquerda, que se apresenta solidamente enquistada no Poder, fiéis doutrinariamente à máxima de que os fins justificam os meios, voltam-se, especialmente, para as novas gerações, cujas mentes buscam envenenar com argumentação falaciosa, repetida à exaustão. Servem-se, largamente, de inocentes úteis, de vítimas da ignorância e de mentes corrompidas. Seus sequazes incentivam revisões da história que passam a narrar de forma distorcida, onde preponderam a mentira e a felonia.

Nos postos de mando alinham-se, despudoradamente, terroristas, sequestradores, assaltantes de banco, criminosos todos, que se locupletam gulosamente de bolsas fartamente endinheiradas. Mas, o que é sumamente grave, novas urdiduras estão em marcha acelerada, pois a partir dos anos 1980, a revolução comunista no Brasil ganhou uma nova vertente inspirada na revolução gramsciana de transição para o socialismo. Sua convivência com pensamento e a práxis política marxista-leninista de alguns partidos caracteriza uma postura tática de pluralismo das esquerdas.

 

O êxito, já alcançado na penetração intelectual e moral do corpo social, é inegável. Chega a um estágio que se teme possa ser irreversível.

Conheça o Kit-Gay do Ministério da Educação – Haddad – Mercadante

17/04/2013

Bolsonaro rasga o verbo e diz a verdade sobre o Brasil:

05/03/2013

A criança do futuro: Aprendi a ser GAY na escola com o KIT-GAY

14/10/2012

Bolsonaro desmoraliza presidente comunista da OAB defensor de terroristas assassinos

08/07/2012

=

=

Bolsonaro faz discurso contra Kit Gay e questiona sexualidade de Dilmá (Stela ou Wanda)

24/11/2011

JAIR BOLSONARO detona a comissão da verdade: artigo de bolsonaro na folha

11/01/2011

Comissão da inverdade.

É notório que a esquerda quer passar para a história como a grande vítima que lutou pelo Estado democrático atual, invertendo o papel de militares :

Os militares só conseguem manter a hierarquia e a disciplina porque a verdade está para eles como a fé está para os cristãos. A mentira e a traição fazem parte da vida política brasileira, em que os vitoriosos se intitulam espertos, pois, afinal, dessa forma estarão sempre no poder. A esquerda no Brasil chegou ao poder pelo voto, graças aos militares que impediram em 1964 a implantação de uma ditadura do proletariado. Os perdedores, nos anos subsequentes, financiados pelo ditador Fidel Castro, partiram para a luta armada, aterrorizando a todos com suas ações, que ainda fazem inveja ao crime dito organizado dos dias atuais.

Foram 20 anos de ordem e de progresso. Os guerrilheiros do Araguaia foram vencidos, evitando-se que hoje, a exemplo da Colômbia, tivéssemos organizações como as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) atuando no coração do Brasil. O nosso povo vivenciou sequestros de autoridades estrangeiras e de avião, dezenas de justiçamentos, tortura, execuções como a do adido inglês e a do tenente da Força Pública de São Paulo no Vale do Ribeira, bombas no aeroporto de Recife e carro-bomba no QG do 1º Exército, respectivamente com mortes de um almirante e de um recruta, latrocínios, roubos etc. O regime, dito de força, negociou e foi além das expectativas dos derrotados ao propor anistia até mesmo para crimes de terrorismo praticados pela esquerda. Agora, no poder, eles querem escrever a história sob sua ótica, de olhos vendados para a verdade.

Projeto do Executivo, ora em tramitação na Câmara, cria a dita Comissão da Verdade, composta por sete membros, todos a serem indicados pela presidente da República, logo ela, uma das atrizes principais dos grupos armados daquele período, que inclusive foi saudada pelo então demissionário ministro José Dirceu como “companheira em armas”. Ninguém pode acreditar na imparcialidade dessa comissão, que não admite a participação de integrantes dos Clubes Naval, Militar e da Aeronáutica. Essa é a democracia dos “companheiros”. Ainda pelo projeto, apurar-se-iam apenas crimes de tortura, mortes, desaparecimentos forçados e ocultação de cadáveres, não tratando de sequestros, atentados a bomba, latrocínios, recebimento de moeda estrangeira de Cuba, sequestro de avião e justiçamentos.

É notório que a esquerda quer passar para a história como a grande vítima que lutou pelo Estado democrático atual, invertendo completamente o papel dos militares, que, em 1964, por exigência da imprensa, da Igreja Católica, de empresários, de agricultores e de mulheres nas ruas intervieram para que nosso país não se transformasse, à época, em mais um satélite da União Soviética. Os militares sempre estiveram prontos para quaisquer chamamentos da nação, quando ameaçada, e, se a verdade real é o que eles querem, as Forças Armadas não se furtarão, mais uma vez, a apoiar a democracia. Se hoje nos acusam de graves violações de direitos humanos no passado, por que não começarmos a apurar os fatos que levaram ao sequestro, à tortura e à execução do então prefeito Celso Daniel em Santo André? Ou será que, pela causa, tudo continua sendo válido, até mesmo não extraditar o assassino italiano Cesare Battisti por temer o que ele possa revelar sobre seu passado com terroristas brasileiros hoje no poder?

Publicado na Folha de São Paulo por JAIR BOLSONARO capitão da reserva do Exército, deputado federal pelo PP do Rio de Janeiro.

Video sensacional Jair Bolsonaro em comício de Dilma, Cade o dinheiro do cofre do ademar? ficha suja de sangue

29/09/2010

http://www.youtube.com/watch?v=lhCk9kEq31Y