Archive for the ‘BOLSONARO 2018’ Category

Quem não votou nas 3 últimas eleições

03/05/2017
Título Eleitoral

TSE divulga número parcial de eleitores com títulos irregulares por ausência nas três últimas eleições

Termina nesta terça-feira (2) o prazo para o eleitor que não votou e não justificou a ausência nas três últimas eleições, ou não pagou as multas correspondentes, regularizar sua situação perante a Justiça Eleitoral. Os dados, até o momento, mostram que 1.873.865 eleitores estão com seus títulos irregulares por ausência nas três últimas eleições.

No Rio de Janeiro (RJ) o total é de 118.606; na cidade de São Paulo (SP), esse número chega a 117.300 eleitores; em Belo Horizonte (MG) são 26.191; em Salvador (BA) esse número é de 31.014; e em Porto Alegre (RS) 18.657. Em Brasília, apenas três eleitores estão com seus títulos irregulares. Para conferir todos os municípios, clique aqui.

Após o final do prazo, os eleitores que estiverem com seus títulos em situação irregular correm o risco de ter o título cancelado. A legislação considera cada turno de votação um pleito em separado para efeito de cancelamento de título. O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.

O parágrafo 6º do Provimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nº 1/2017 estabelece que “será cancelada a inscrição do eleitor que se abstiver de votar em três eleições consecutivas, salvo se houver apresentado justificativa para a falta ou efetuado o pagamento de multa, ficando excluídos do cancelamento os eleitores que, por prerrogativa constitucional, não estejam obrigados ao exercício do voto”.

Assim, os eleitores com voto facultativo (analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos) ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a sua situação.

O que levar

Para fazer a regularização, o eleitor deverá apresentar, no cartório eleitoral, documento oficial com foto, comprovante de residência e, se possuir, título eleitoral e os comprovantes de votação, de justificativa ou de quitação de multa.

O cidadão pode consultar sua situação perante a Justiça Eleitoral por meio de pesquisa na aba Eleitor no link “Consulta por nome”, entre outros tópicos, localizada na barra verde superior da homepage do Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado. Pode ainda ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.

MM/RC

Os Inocentes que pretendem colocar juízes e promotores na cadeia

21/04/2017

Se esta gente tiver um voto em 2018 é porque o povo gosta de sofrer

TEM MUITA GENTE POR AI PASSANDO FOME

BEM FEITO QUEM MANDOU VOTAR NO HOME

todos 21 4 17

Repórter tenta destruir o BOLSONARO e saiu de lá apaixonada!

18/04/2017

Estão limpos e são candidatos a Presidente em 2018:

14/04/2017

Dória, Maluf, Cristován, Caiado, Ciro, Álvaro, Bolsonaro, Freire, Crivela, Malta e Marina.

Faça você mesmo nossas leis – Participe no @ democracia

07/04/2017
05/04/2017 – 20h19

Nova ferramenta permite opinião de internauta sobre parecer de deputado

 

O e-Democracia busca incentivar a participação da sociedade no debate de temas importantes para o País e a população

 

O portal e-Democracia da Câmara foi totalmente reformulado. A página, que existe desde 2009, foi atualizada para se tornar ainda mais acessível para os cidadãos e os deputados. O diretor do Laboratório Hacker da Câmara, Cristiano Ferri, explicou que a finalidade é aumentar a interação e a participação popular. Ele destaca, entre as novidades, a ferramenta denominada Wikilegis.

Nessa plataforma, os deputados irão colocar pareceres iniciais sobre projetos e os cidadãos poderão opinar sobre o texto. “Essa é, talvez, uma das melhores ferramentas de participação digital nesse formato de contribuição colaborativa em cima do texto. E uma das inovações é que o cidadão, além de comentar cada dispositivo, pode também apresentar a sua própria versão”. Segundo Ferri, nesse momento estará visível, na tela, a diferença entre o original e a sugestão apresentada pelo internauta.

O diretor explicou que outros participantes poderão votar no texto que acharem melhor e, ao final, o parlamentar recebe um relatório sobre como foi a participação e as sugestões apresentadas. Para Ferri, isso torna o processo legislativo mais participativo.

Ferri também destacou o Expressão, que é um espaço semelhante a um fórum virtual, no qual deputados podem defender suas opiniões sobre temas em discussão na Câmara, e onde os internautas deixam seus comentários.

Outra atualização foi feita na participação das audiências interativas. Agora, além de acompanhar ao vivo, os internautas poderão encaminhar comentários e perguntas.

Acessos
O portal chegou a 50 milhões de acessos no ano passado. Cristiano Ferri acredita que esse tipo de interação faz aumentar o interesse da população sobre o que acontece na Câmara. “As redes sociais, como Facebook e Twitter, não são as mais adequadas para abrigar discussões complexas de políticas públicas, que reúnam todo os tipos de grupos e visões, por isso desenvolvemos um portal institucional para esse fim, onde o cidadão pode livremente conversar com os parlamentares.”

A diretora-geral adjunta da Câmara, Cássia Ossipe, destacou a importância de se ampliar a participação do cidadão no processo legislativo. Ela acredita que o projeto pode se tornar um canal eficiente de comunicação entre a população e os parlamentares. “Nossa expectativa é que cada vez esse projeto se torne mais institucional dentro da Casa. Não apenas como uma possibilidade de participação do cidadão, mas realmente como uma participação mais efetiva”, afirmou.

O e-Democracia busca, por meio da internet, incentivar a participação da sociedade no debate de temas importantes para o País e a população.

Reportagem – Mônica Thaty
Edição – Sandra Crespo

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura ‘Agência Câmara Notícias

IMPRENSA COMUNISTA NÃO CONSEGUE MAIS ESCONDER A CANDIDATURA DE NOSSO HERÓI JAIR BOLSONARO

01/04/2017

O deputado esteve no dia 31 de março em São Paulo e dividiu o palanque com Doria

“O grande adversário de Bolsonaro nas redes sociais não é Aécio nem Lula. É joão Doria”,

CAPA DO ESTADÃO ONLINE

bolso um

REPORTAGEM ESPECIAL COM FOTO IMENSA

jair dois