Archive for the ‘2014- eleições’ Category

Efeito Trump: A Primeira mulher presidente da França Marine Le Pen: UMA NOVA EUROPA É POSSÍVEL – «Nous sommes majoritaires en Europe» – Capa do Le Figaro – Marine Le Pen é mulher mais importante da Europa – Trump de saias – 2017 será o ano dos patriotas

21 de janeiro de 2017

A Coblence, FN et AfD veulent «poser les bases d’une autre Europe»

La présidente du FN, Marine Le Pen, au côté du président du Parti de la liberté néerlandais, Geert Wilders, à Coblence.

Invités par le parti anti-immigration allemand, les eurodéputés du Front national ont retrouvé, ce samedi, leurs partenaires du groupe parlementaire européen « Europe des Nations et des libertés » (ENL). Un rassemblement inédit pour ces partis eurosceptiques, qui espèrent suivre les traces du Brexit.

  • marinene

Marine Le Pen : «Nous sommes majoritaires en Europe»

INTERVIEW – La présidente du Front national se rend pour la première fois en Allemagne, samedi. En s’affichant avec son homologue du parti populiste AfD, la candidate veut poser les bases d’une Europe des souverainetés et d’une nouvelle vision du couple franco-allemand.

O “Choque das Raças” de Monteiro Lobato se confirma – Protestos e boicote, nos EUA, contra a volta de brancos à Casa Branca – MARCHA SOBRE WASHINGTON DAS ABORTISTAS em 21/jan/17

19 de janeiro de 2017

“Melania Trump est boycottée par les couturiers“. Résultats = Ralph Lauren/Lagerfeld. La classe absolue.

c2nwymdxcaeooxw

O branco ANDREA BOCELLI AMEAÇADO DE MORTE DESISTE DE CANTAR NA POSSE

c2qukv3xcaaw6om

blacs

The Inaugural Address

REMARKS OF PRESIDENT DONALD J.  TRUMP – AS PREPARED FOR DELIVERY

INAUGURAL ADDRESS

FRIDAY, JANUARY 20, 2017

WASHINGTON, D.C.

As Prepared for Delivery –

Chief Justice Roberts, President Carter, President Clinton, President Bush, President Obama, fellow Americans, and people of the world: thank you.

We, the citizens of America, are now joined in a great national effort to rebuild our country and to restore its promise for all of our people.

Together, we will determine the course of America and the world for years to come.

We will face challenges. We will confront hardships. But we will get the job done.

Every four years, we gather on these steps to carry out the orderly and peaceful transfer of power, and we are grateful to President Obama and First Lady Michelle Obama for their gracious aid throughout this transition. They have been magnificent.

Today’s ceremony, however, has very special meaning. Because today we are not merely transferring power from one Administration to another, or from one party to another – but we are transferring power from Washington, D.C. and giving it back to you, the American People.

For too long, a small group in our nation’s Capital has reaped the rewards of government while the people have borne the cost.

Washington flourished – but the people did not share in its wealth.

Politicians prospered – but the jobs left, and the factories closed.

The establishment protected itself, but not the citizens of our country.

Their victories have not been your victories; their triumphs have not been your triumphs; and while they celebrated in our nation’s Capital, there was little to celebrate for struggling families all across our land.

That all changes – starting right here, and right now, because this moment is your moment: it belongs to you.

It belongs to everyone gathered here today and everyone watching all across America.

This is your day. This is your celebration.

And this, the United States of America, is your country.

What truly matters is not which party controls our government, but whether our government is controlled by the people.

January 20th 2017, will be remembered as the day the people became the rulers of this nation again.

The forgotten men and women of our country will be forgotten no longer.

Everyone is listening to you now.

You came by the tens of millions to become part of a historic movement the likes of which the world has never seen before.

At the center of this movement is a crucial conviction: that a nation exists to serve its citizens.

Americans want great schools for their children, safe neighborhoods for their families, and good jobs for themselves.

These are the just and reasonable demands of a righteous public.

But for too many of our citizens, a different reality exists: Mothers and children trapped in poverty in our inner cities; rusted-out factories scattered like tombstones across the landscape of our nation; an education system, flush with cash, but which leaves our young and beautiful students deprived of knowledge; and the crime and gangs and drugs that have stolen too many lives and robbed our country of so much unrealized potential.

This American carnage stops right here and stops right now.

We are one nation – and their pain is our pain.  Their dreams are our dreams; and their success will be our success.  We share one heart, one home, and one glorious destiny.

The oath of office I take today is an oath of allegiance to all Americans.

For many decades, we’ve enriched foreign industry at the expense of American industry;

Subsidized the armies of other countries while allowing for the very sad depletion of our military;

We’ve defended other nation’s borders while refusing to defend our own;

And spent trillions of dollars overseas while America’s infrastructure has fallen into disrepair and decay.

We’ve made other countries rich while the wealth, strength, and confidence of our country has disappeared over the horizon.

One by one, the factories shuttered and left our shores, with not even a thought about the millions upon millions of American workers left behind.

The wealth of our middle class has been ripped from their homes and then redistributed across the entire world.

But that is the past. And now we are looking only to the future.

We assembled here today are issuing a new decree to be heard in every city, in every foreign capital, and in every hall of power.

From this day forward, a new vision will govern our land.

From this moment on, it’s going to be America First.

Every decision on trade, on taxes, on immigration, on foreign affairs, will be made to benefit American workers and American families.

We must protect our borders from the ravages of other countries making our products, stealing our companies, and destroying our jobs.  Protection will lead to great prosperity and strength.

I will fight for you with every breath in my body – and I will never, ever let you down.

America will start winning again, winning like never before.

We will bring back our jobs. We will bring back our borders.  We will bring back our wealth.  And we will bring back our dreams.

We will build new roads, and highways, and bridges, and airports, and tunnels, and railways all across our wonderful nation.

We will get our people off of welfare and back to work – rebuilding our country with American hands and American labor.

We will follow two simple rules: Buy American and Hire American.

We will seek friendship and goodwill with the nations of the world – but we do so with the understanding that it is the right of all nations to put their own interests first.

We do not seek to impose our way of life on anyone, but rather to let it shine as an example for everyone to follow.

We will reinforce old alliances and form new ones – and unite the civilized world against Radical Islamic Terrorism, which we will eradicate completely from the face of the Earth.

At the bedrock of our politics will be a total allegiance to the United States of America, and through our loyalty to our country, we will rediscover our loyalty to each other.

When you open your heart to patriotism, there is no room for prejudice.

The Bible tells us, “how good and pleasant it is when God’s people live together in unity.”

We must speak our minds openly, debate our disagreements honestly, but always pursue solidarity.

When America is united, America is totally unstoppable.

There should be no fear – we are protected, and we will always be protected.

We will be protected by the great men and women of our military and law enforcement and, most importantly, we are protected by God.

Finally, we must think big and dream even bigger.

In America, we understand that a nation is only living as long as it is striving.

We will no longer accept politicians who are all talk and no action – constantly complaining but never doing anything about it.

The time for empty talk is over.

Now arrives the hour of action.

Do not let anyone tell you it cannot be done.  No challenge can match the heart and fight and spirit of America.

We will not fail. Our country will thrive and prosper again.

We stand at the birth of a new millennium, ready to unlock the mysteries of space, to free the Earth from the miseries of disease, and to harness the energies, industries and technologies of tomorrow.

A new national pride will stir our souls, lift our sights, and heal our divisions.

It is time to remember that old wisdom our soldiers will never forget: that whether we are black or brown or white, we all bleed the same red blood of patriots, we all enjoy the same glorious freedoms, and we all salute the same great American Flag.

And whether a child is born in the urban sprawl of Detroit or the windswept plains of Nebraska, they look up at the same night sky, they fill their heart with the same dreams, and they are infused with the breath of life by the same almighty Creator.

So to all Americans, in every city near and far, small and large, from mountain to mountain, and from ocean to ocean, hear these words:

You will never be ignored again.

Your voice, your hopes, and your dreams, will define our American destiny. And your courage and goodness and love will forever guide us along the way.

Together, We Will Make America Strong Again.

We Will Make America Wealthy Again.

We Will Make America Proud Again.

We Will Make America Safe Again.

And, Yes, Together, We Will Make America Great Again. Thank you, God Bless You, And God Bless America.

casa-branca-site

plate_mockup

trumpportrait002

c2o7iwzwiaat4my

cw2rxk4xaaav7rb

posse-trump-nyt

16105707_10211754352165263_2691508261167072296_n

trumpportrait002

O País das epidemias – voltamos ao século XIX

18 de janeiro de 2017

Só falta as bexigas voltarem:

temos em andamento;

DENGUE

ZIKA

URINA PRETA

LEPRA http://g1.globo.com/pi/piaui/noticia/2017/01/piaui-registrou-775-casos-de-hanseniase-em-2016-diz-sesapi.html 

FEBRE AMARELA

MALARIA MALEITA PALUDISMO

HEPATITE C

MENINGITE

ATIRADOR DE ELITE

Momento exato em que uma pobre vítima da sociedade é atingida por um meteoro.

Lire
-0:09

Remettre le son

Paramètres visuels supplémentaires

Afficher en plein écran

128 vues

 

 

 

Seu único olho para o Globo terrestre

18 de janeiro de 2017

16113106_10211728693200616_6891208828613578751_o

Leia mais de 12.000.000 de páginas de documentos ex-secretos da CIA

18 de janeiro de 2017

CIA Posts More Than 12 Million Pages of CREST Records Online

17 January 2017

The CIA’s Electronic Reading room offers a full-text search capability of CREST records, and the collection can be viewed at www.cia.gov/library/readingroom/collection/crest-25-year-program-archive.


LANGLEY, VA – The largest collection of declassified CIA records is now accessible online. The documents were previously only available to the public at the National Archives in Maryland. Approximately 930,000 documents, totaling more than 12 million pages, are now available in the CIA’s Electronic Reading Room on CIA’s website.

Since 1999, the CIA has regularly released its historical declassified records to the standalone CIA Records Search Tool (CREST) system that was only accessible in person at the National Archives Records Administration (NARA) in College Park, Maryland. Moving these documents online highlights the CIA’s commitment to increasing the accessibility of declassified records to the public.

“Access to this historically significant collection is no longer limited by geography. The American public can access these documents from the comfort of their homes,” notes Joseph Lambert, the CIA Director of Information Management.

The CREST collection covers a myriad of topics, such as the early CIA history, the Cold War, Vietnam, the Berlin Tunnel project, the Korean War, and the U-2 reconnaissance aircraft. The documents also extensively address developments on terrorism, as well as worldwide military and economic issues.

The documents include a wide variety of records, including collections of finished intelligence from the 1940s to the 1990s prepared by the Directorate of Analysis (or its predecessors, such as the Directorate of Intelligence), Directorate of Operations reports from the late 1940s through the early 1960s, Directorate of Science and Technology research and development files, Director of the Central Intelligence Agency policy files and memoranda, National Intelligence Council estimates, National Intelligence Surveys, Office of Strategic Services (OSS) records, Directorate of Support administrative records, and imagery reports from the former National Photographic Interpretation Center (reviewed jointly with the National Geospatial-Intelligence Agency (NGA)).

CREST records also include large specialized collections of foreign translations, scientific abstracts, ground photo descriptions, and special collections such as STAR GATE remote viewing program files, Henry Kissinger Library of Congress files, and other miscellaneous CIA records.

The declassification of 25-year-old records is mandated by Executive Order 13526, which requires agencies to review all such records categorized as permanent under the Federal Records Act for declassification. As a result, following CIA’s review, documents are regularly added to this collection.

The CIA’s Electronic Reading room offers a full-text search capability of CREST records, and the collection can be viewed at www.cia.gov/library/readingroom/collection/crest-25-year-program-archive.

# # #

Posted: Jan 17, 2017 02:23 PM
Last Updated: Jan 17, 2017 02:51 PM

FEMINIST WANTS TO KILL ALL MALE BABIES – E tem homem que ainda defende feminista

18 de janeiro de 2017

7 905 997 vues

Feminist Wants To Kill Male Babies

Obama por 8 anos atiçou negros contra brancos e culpava os policiais brancos

18 de janeiro de 2017

Esse é o legado:

http://rodrigoconstantino.com/artigos/lider-da-policia-nacional-desabafa-sobre-obama-ninguem-esta-triste-por-ve-lo-ir-embora/  

Intervenção Militar Já começou pelos presídios

18 de janeiro de 2017
Presidência da República
Casa Civil
Subchefia para Assuntos Jurídicos

DECRETO DE 17 DE DEZEMBRO DE 2016

Autoriza o emprego das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem no sistema penitenciário brasileiro.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o art. 84, caput, incisos IV e XIII, da Constituição, e tendo em vista o disposto no art. 15 da Lei Complementar nº 97, de 9 de junho de 1999,

DECRETA:

Art. 1º  Fica autorizado o emprego das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem, nos termos deste Decreto.

Art. 2º  As Forças Armadas executarão essa atividade nas dependências de todos os estabelecimentos prisionais brasileiros para a detecção de armas, aparelhos de telefonia móvel, drogas e outros materiais ilícitos ou proibidos.

  • 1º  O emprego das Forças Armadas, nos termos do caput, observado o princípio federativo, dependerá de anuência do Governador do Estado ou do Distrito Federal e será realizado em articulação com as forças de segurança pública competentes e com o apoio de agentes penitenciários do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça e Cidadania.
  • 2º  O Ministro de Estado da Defesa editará normas complementares para dispor sobre o emprego das Forças Armadas a que se refere este Decreto.

Art. 3º  A autorização a que se refere o caput do art. 2º fica concedida pelo prazo de doze meses.

Art. 4º  Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 17 de janeiro de 2017; 196º da Independência e 129º da República.

MICHEL TEMER
Raul Jungmann
Sergio Westphalen Etchegoyen

Este texto não substitui o publicado no DOU de 18.1.2017

 

Temer oferece Forças Armadas para ações em presídios nos estados

Segurança

Presidente determinou criação de comissão para reformar o sistema penitenciário e pediu maior integração entre setores de inteligência
por Portal PlanaltoPublicado: 17/01/2017 15h32Última modificação: 17/01/2017 16h16
Foto: Beto Barata/PRPresidente se reuniu com órgãos de inteligência do governo federal para discutir crise penitenciária nos Estados

Presidente se reuniu com órgãos de inteligência do governo federal para discutir crise penitenciária nos Estados

O presidente da República, Michel Temer, ofereceu as Forças Armadas aos governadores para ações de cooperação em penitenciárias estaduais. Em reunião nesta terça-feira (17), Temer também determinou a criação de uma comissão para reformar o sistema penitenciário.

As decisões fazem parte de um conjunto de novas medidas de apoio aos estados diante da atual situação do sistema penitenciário brasileiro.

Segundo o porta-voz da Presidência da República, Alexandre Parola, as Forças Armadas participarão de inspeções rotineiras para detectar e apreender materiais proibidos nas unidades. Para isso, os estados, que são os responsáveis pelos estabelecimentos carcerários, deverão concordar com a presença dos militares.

As ações terão controle total do Ministério da Defesa. “Essa operação visa restaurar a normalidade e os padrões básicos de segurança dos estabelecimentos carcerários brasileiros”, disse.

Inteligência contra o crime

Na reunião com integrantes de áreas de inteligência do governo, também ficou definida a criação de uma comissão para reformar o sistema penitenciário. O grupo terá a participação de integrantes do Executivo, do Judiciário, do Legislativo e da sociedade civil organizada.

Temer reiterou as diretrizes para aumentar a integração dos órgãos no combate ao crime, a exemplo do que foi feito durante os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. Além disso, ele determinou uma maior integração com setores de inteligência nos estados.

Um comitê de integração e cooperação na área será composto pelos ministros da Justiça, da Defesa e do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

Fonte: Portal Planalto

Assassinadas por serem cristãs – PERDOADOS POR NÃO SEREM CRISTÃOS

18 de janeiro de 2017

Em 2016, 90 mil pessoas foram assassinadas por serem cristãs

As informações são do Portal Católico:

“ROMA – Massimo Introvigne, diretor do Centro de Estudos Novas Religiões (Cesnur), afirmou que durante o ano 2016 foram assassinados perto de 90.000 cristãos por causa da fé, quer dizer um a cada seis minutos aproximadamente, e que a maioria foram mortos em conflitos tribais na África.

Em declarações à Rádio Vaticano, informou que o “Center for Study of Global Christianity publicará no próximo mês suas estatísticas que falam de 90.000 cristãos assassinados por causa da sua fé, um morto a cada 6 minutos”. E indicou que esta cifra é menor que os 105.000 assassinados em 2014.

Sobre as cifras de 2016, Introvigne disse que dos 90.000 assassinatos, “70%, quer dizer 63.000, foram mortos em conflitos tribais na África. O Centro os inclui na estatística porque consideram que em grande parte se trata de cristãos que se negaram a tomar as armas por razões de consciência. Os outros 30%, quer dizer 27.000, morreram em atentados terroristas, destruição de vilas cristãs e perseguições do governo, como no caso da Coreia do Norte”.

Do mesmo modo, indicou que de acordo a três centros de estudos dos Estados Unidos e do Cesnur, “estima-se que entre 500 e 600 milhões de cristãos não podem professar a fé de modo totalmente livre”.

“Sem querer esquecer ou diminuir o sofrimento dos membros de outras religiões, os cristãos são o grupo religioso mais atingidos do mundo”, assinalou.

Durante a entrevista, Introvigne disse que no caso das perseguições do Estado Islâmico (ISIS), estão os casos de cristãos onde a Igreja “está estudando uma possível beatificação”; além disso estão os fiéis que decidiram conscientemente permanecer nestes territórios ocupados pelos terroristas no Iraque e na Síria “e continuar, como podiam, testemunhando a fé”.

O diretor do Cesnur lamentou que estas cifras mostrem que segue crescendo a intolerância em vários países. A intolerância “é a sala de espera da discriminação, e esta, à sua vez é a sala de espera da perseguição”, advertiu.

Entretanto, em meio deste clima, destacou “a atitude tranquila, nobre, muitas vezes exemplar das minorias cristãs submetidas a todo tipo de vexame” e que “raramente responderam à violência com a violência”.

“Na maior parte dos casos testemunharam serenamente sua fé, muitas vezes perdoando os perseguidores e rezando por eles”, concluiu.”

ELES PERDOAM SEUS ALGOZES E CONTINUAM SENDO VÍTIMAS

ASSIM SERIA DIFERENTE

16105658_1631457410201326_5760337929011452297_n

Revisado por Maíra Pires @mairamadorno

Alguém se lembra dos “médicos” cubanos no Brasil?

17 de janeiro de 2017

MÉDICOS CUBANOS EN VENEZUELA: esclavos vestidos de blanco

La cancelación de la entrega del parole a los médicos cubanos deja varados en territorio Colombiano a unos 600 médicos de ella isla.

MÉDICOS CUBANOS EN VENEZUELA: esclavos vestidos de blanco

Los cientos de médicos cubanos que han abandonado las misiones del Ministerio de Salud Pública de Cuba en el mundo son esclavos del régimen por el mundo.

Salarios ínfimos, un dinero de manutención muy bajo y los extensos horarios laborales, podrían ser las tres características principales de estas misiones de Cuba, especialmente en Venezuela.

Los bajos sueldos establecidos por el Gobierno cubano dificultan vivir dignamente y ejercer la profesión sin contratiempos.

Los galenos cubanos muchas veces no tienen ni comida ni jabón para bañarse por las limitaciones de dinero con las que sobreviven. El gobierno no les paga dentro de las misiones más que lo considerado imprescindible para que no puedan usar este dinero en marcharse y abandonar la misión. Un chantaje oficial los obliga a cobrar sus salarios diezmados en Cuba cuando estén de vacaciones o cuando termine la misión. Estando en Cuba muchas veces el dinero no está disponible y sólo son cifras en una libreta bancaria sin fondos.

Un médico que está en misión en territorio venezolano tan solo recibe un estipendio para alimentación y transporte de 27.000 bolívares mensuales, y en la Isla tienen un salario de 1.100 pesos cubanos, que equivale a entre 40 y 44 dólares cada mes.

“El problema es que esos 40 dólares los pagan en Cuba y no los pagan en Venezuela, directamente no tenía acceso a ese dinero. En Venezuela, los 27.000 bolívares alcanzaban solo para la alimentación, son como 10 dólares. Allí la vivienda es gratis para los médicos, sin embargo en muchos casos teníamos que pagar servicios como el agua, la electricidad, entonces los recursos eran insuficientes”, comentó un médico de la isla a DIARIO DE CUBA.

Agregó que además por estar de misión recibían 400 pesos convertibles cubanos (CUC) mensuales, de los cuales 200 los podían usar durante el periodo de vacaciones, y los otros 200 quedaban congelados en una cuenta a la que no tienen acceso hasta el fin de la misión en Venezuela.

Agregó que para vivir en Venezuela, en muchas oportunidades recurrían a sus familias en la isla para que les enviaran dinero y de esa manera pagar recibos de los servicios, comprar ropa y productos de aseo personal, e inclusive agua para el consumo diario.

Las condiciones se recrudecieron en los últimos años debido a la situación política de Venezuela lo que de alguna manera generó que ellos suplieran plazas médicas al punto de laborar entre ocho hasta 24 horas al día.

 

En Colombia estarían varados unos 600 médicos, profesionales de la salud cubana y familiares cercanos, que decidieron abandonar las misiones, la mayoría provenientes de Venezuela.

Con información de DIARIO DE CUBA.

Efeito Trump – Aumentam os comerciais com moças brancas nos EUA

17 de janeiro de 2017

http://www.dailywire.com/news/12475/leftists-very-upset-about-carls-jr-ceos-penchant-chase-stephens?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_content=102516-podcast&utm_campaign=beingconservative

Eu vivi o bastante para ver: China Comunista defendendo livre comércio em DAVOS-2017

17 de janeiro de 2017

trump-china-17-1-17

chinanna

Fim dos tempos: Suspeito de tráfico consegue ser prefeito municipal do Embu das Artes-SP

17 de janeiro de 2017

O ministro Napoleão Nunes Maia Filho, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deferiu liminar para que o prefeito eleito de Embu das Artes (SP), Claudinei Alves dos Santos, e seu vice, Peter Motta Calderoni, sejam diplomados e empossados nos cargos, até que o Plenário do TSE decida a questão no julgamento do mérito do mandado de segurança impetrado pelas partes.

04f148a3-999a-4c69-addd-2b9742fcec83

O ministro Napoleão Nunes Maia Filho do TSE

A diplomação da chapa vencedora foi suspensa por determinação do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), seguindo decisão do juiz eleitoral de primeira instância, por abuso de poder econômico e político nas Eleições de 2016.

O prefeito eleito está foragido desde o dia 9 de dezembro por conta da chamada Operação Xibalba, iniciativa do Ministério Público, que o acusa de associação a facção criminosa, tráfico e lavagem de dinheiro.

BB/TC

O que o PT fez com o Brasil

17 de janeiro de 2017

KIT DO VAGABUNDO *Vai transar? O governo dá camisinha. *Já transou?* O governo dá a pílula do dia seguinte. *Teve filho?* O governo dá o Bolsa Família.. *Tá desempregado? O governo dá Bolsa Desemprego. *Não fez planejamento familiar e teve um filho com cada pai?* O Governo da Bolsa ESCOLA *Vai prestar vestibular?* O governo dá o Bolsa Cota. *Bebeu a vida toda, não parou em emprego nenhum não tem dinheiro pra comprar os remédios?* O Governo dá remédio de graça *Não quis estudar e agora não tem dinheiro?* O Governo faz sorteio de casa própria. ai vc se livra do aluguel *Não tem terra?* O governo dá o Bolsa Invasão e ainda te aposenta. Distribui-se ainda: Vale leite – Vale gás – Vale refeição – Vale transporte E tem ainda o Genial Vale Crime (Esse é o melhor de todos) *RESOLVEU VIRAR BANDIDO E FOI PRESO?* A partir de 1º/1/2011 O GOVERNO DÁ O AUXÍLIO RECLUSÃO *esse é novo* Todo presidiário com filhos tem direito a uma bolsa que, é de R$ 915,05 – Portaria nº 02, de 6/1/2012 “por filho” para sustentar a família, já que o coitadinho não pode trabalhar para sustentar os filhos por estar preso. Não acredita? Confira no site da Previdência Social, Portaria nº 48, de 12/2/2009, do INSS.

comentário publicado em jornais. o autor está de parabéns

O Mundo de ponta cabeça – Do Júlio Severo

17 de janeiro de 2017

Filhos delinquentes de imigrantes muçulmanos estão atacando e assaltando clientes no maior shopping center da Suécia. Resposta da polícia sueca? Recomendar aos suecos que evitem o shopping. Não era mais fácil pedirem logo para todos os suecos se mudarem da Suécia e deixarem toda a Suécia só para os muçulmanos?

Não são terroristas mas são presas políticas na Ditadura Comunista da Venezuela

15 de janeiro de 2017

Jovens brancas são mantidas presas pelo governo comunista da Venezuela

c2iy2acwqaadiue

Tentando disfarçar a doutrinação ideológica comunista nas escolas

15 de janeiro de 2017

15977003_1249514608460094_3184363925991616654_n-1

Temer tem preconceito contra ex presidente analfabeto: “Educação é fundamental”

13 de janeiro de 2017

Educação é fundamental para o País, diz Temer em inauguração de escola

Educação

Presidente da República citou o aumento de verbas previsto no Orçamento deste ano para a área e também para a saúde
por Portal PlanaltoPublicado: 12/01/2017 19h27Última modificação: 12/01/2017 19h27
Foto: Beto Barata/PRPresidente Michel Temer visita laboratório de informática de escola em Praia Grande (SP)

Presidente Michel Temer visita laboratório de informática de escola em Praia Grande (SP)

O presidente da República, Michel Temer, destacou nesta quinta-feira (12) a importância da educação no presente e no futuro do País. Ao participar da inauguração de uma escola de ensino fundamental em Praia Grande (SP), Temer ressaltou que o governo federal aumentou os recursos para a área no Orçamento de 2017.

No Orçamento da União sancionado nesta semana, educação e saúde tiveram aumento nas suas verbas. A peça prevê R$ 125,3 bilhões para o Ministério da Saúde e R$ 107,5 bilhões para o Ministério da Educação. Dentre os recursos, está prevista a aplicação de R$ 85,6 bilhões na manutenção e no desenvolvimento do ensino.

Começo da solução dos problemas

13 de janeiro de 2017

15780804_1799785380276443_4204545690080702395_n

15871437_1315744958460922_7885607928874791655_n

15823426_880344368769323_3832213019699580984_n

15826865_1808917686016049_5959162514806834217_n

c1r_6ubxuaasjkp

15037182_1126858757422361_9081523584329120933_n

Loira que defendia imigrantes foi currada por eles e obrigada a ficar quieta para não prejudicar a causa

13 de janeiro de 2017

c1-lga_xgaa7zbz

Senador Ronaldo Caidado lança o Prefeito NETO para Presidente-2018

12 de janeiro de 2017

uploads2f1484232490152-img_1461

Notícias Alarmantes – FIM DOS TEMPOS

10 de janeiro de 2017

Para descontrair antes das notícias alarmantes:

  • DONO FOGE DE CASA E CACHORRO OFERECE RECOMPENSA
  • EJACULAÇÃO PRECOCE É A MAIOR RESPONSÁVEL PELO NASCIMENTO DE PREMATUROS
  • VIDENTE CEGA PRESA POR FALSIDADE IDEOLÓGICA
  • ALPINISTA PASSA MAL EM TÚNEL
  • FRENTISTA LEVA 3 TIROS PELAS COSTAS
  • Surdo-Mudo preso em elevador não consegue pedir por socorro
  • Cego processa instituto de pesquisa que perguntou o seu ponto de vista
  • Programa Gigantes da Música discrimina anões
  • 15977203_1321658577896333_5995490507564446487_n

 

Do MIDIAMAX 11/01/2017 12h44 – Atualizado em 11/01/2017 21h52 – Thatiana Melo

Estupro:

Religioso e discípulo alegavam que ‘purificavam’ vítimas com maldição

Crime aconteceu em dezembro de 2016

 

O líder religioso, Marcos Vínicius Borges Ferreira, de 28 anos, e o discípulo Newton Alexandre Barbosa, de 21 anos, que foram presos em dezembro de 2016, em Coxim, distante 253 quilômetros de Campo Grande, pelo estupro de pelo menos cinco crianças, foram acusados de mais dois crimes.

Eles teriam estuprado um adolescente, de 17 anos, e um jovem, de 21 anos. A delegada que cuida do caso, Silvia Eliane Girardi, disse que em depoimento as vítimas contaram que os autores afirmaram que os órgãos genitais delas tinham ‘maldição do passado’ e precisavam ser ‘purificadas’ com óleo ungido.

Depois da purificação, as vítimas eram submetidas à conjunção carnal, com o líder e o discípulo, que segundo informações do site Edição de Notícias formavam um casal. Eles foram presos, no dia 23 de dezembro, e a delegada irá pedir a prisão preventiva dos acusados.

 

Relembre o caso

No dia 23 de dezembro de 2016, o líder religioso Marcos Vínicius Borges Ferreira, de 28 anos, e o discípulo Newton Alexandre Barbosa, de 21 anos, foram presos acusado do estupro de pelo menos cinco crianças.

Para convencer as vítimas, eles diziam que os atos seriam para “purificação” e ameaçavam que se contassem aos familiares, sofreriam “maldições”, como acidentes, por exemplo.

Uma mulher procurou a delegacia para denunciar a dupla que supostamente estava abusando de seus quatro filhos, um jovem de 18 anos, uma menina de 5 anos, e outros dois meninos de 3 e 1 ano.

Ela explicou à polícia, que há algum tempo, o líder e o discípulo alegaram que não tinham onde morar e pediram abrigo em sua residência. Por serem membros da igreja, a mulher disse que não tinha suspeitas e deixou que eles morassem na sua casa. A suspeita só aconteceu no último domingo (18), quando o filho mais velho relatou que não aguentava mais apanhar da dupla.

Os abusos já duravam pelo menos três anos e tiveram início ante mesmo deles morarem na casa. Depois da mudança, os abusos se tornaram mais constantes, conforme o relato do rapaz. Ao ouvir o relato do filho, a mãe exigiu que os membros da igreja deixassem a casa.

É SÓ NÃO MATAR  NÃO ROUBAR QUE NÃO ENTRA NESSA

15940366_599587150239684_1549819830137677229_n

935_298586173578669_1521968569_n

15940959_1525891344089426_414997930896106779_n

15873443_177030436107195_8762226873721394012_n

15977005_177187089424863_899100750527939282_n

Nasci branco, então sou racista.

Não votei no PT, PC do B, PSOL, então sou fascista.

Sou hétero, o que faz de mim um homofóbico.

Nunca fui sindicalizado, o que me torna um traidor da causa operária e aliado do patrão.

Eu penso e não engulo qualquer coisa que a mídia me empurra, portanto sou reacionário.

Atenho-me a meus valores morais e culturais, o que me faz ser xenófobo.

Eu gostaria de viver em segurança, e que os bandidos estivessem na cadeia, então sou um saudosista do DOI-CODI.

Cumpro as leis e gostaria que todos, inclusive o governo, também cumprisse, o que me torna um membro da Direita.

Sou adepto incondicional da meritocracia, o que me torna liberal.

Fui educado com severidade e disciplina, pelo que sou grato aos meus pais, avós e a verdadeira escola; o que me transforma num carrasco de crianças, impedindo seu pleno desabrochar.

Sou adepto do pensamento que todo cidadão é responsável pela defesa do País, então eu sou militarista.

Eu gosto de me esforçar e de sobrepujar metas, o que me faz ser um cidadão desprovido de solidariedade com os demais, que apenas cumprem minimamente as suas tarefas.

Vivi uma vida regrada, poupando e me esforçando. Hoje, os comunistas/socialistas/petralhas, dizem que sou burguês.

Então eu sou grato aos amigos que ainda tenho e, apesar de tudo, sigo em frente.

(Autor desconhecido)

15823426_880344368769323_3832213019699580984_n

sheen-sou-de-direita

COMO AS  MULHERES SE VESTIAM:

15940759_742878115874929_1491103134947885006_n

E hoje:

Do Júlio Severo:

“Resultado das visitas íntimas permitidas em presídios femininos: presas grávidas. Por que não obrigam agora todos os políticos que criaram a lei de visitas íntimas a morar nesses presídios para cuidar de todos os bebês inocentes que nascerão por causa de suas próprias leis? Visitas íntimas têm resultados e quem criou essa lei deveria ser obrigado a cuidar diretamente de todos os resultados, trocando fraldas, dando mamadeira, banho, etc.”

15966160_10154973610864630_8014146146184676078_n

15966114_10206984672890377_3715704903915539042_n

15977313_791765387637633_750577298441847153_n

Do Júlio Severo:

“Ele manteve durante anos um discurso esotérico contra a Rússia, enxergando conspirações futurísticas mirabolantes, sem nunca imaginar, nem mesmo com todas as suas bolas de cristal, que os EUA chegariam a ter um presidente com discurso pró-Rússia exatamente contrário do discurso dele. Hoje, Trump está aí para dizer alto e bom som: “Só os idiotas e estúpidos veem boas relações com a Rússia como coisa má.” Trump é a prova de que o astrólogo não tem razão. Virou, pela boca de Trump, estúpido e idiota por pregar durante anos que tentar boas relações com a Rússia era coisa má.”

20170107_crisemanaus

15873466_1261927480540064_7286731744942109436_n

15895370_684456588385480_5455155840215870116_n

15894495_2199750696915867_8531964076221106823_n

15780960_1217821101633316_5655722036143250199_n

15871702_1011428825628420_5029996127987980633_n

15965547_1835469716740939_6084452846509726434_n

15966157_508196389304509_7214755324644452989_n

15823547_159178391233746_8478690031444208856_n

15965949_1596577793702012_8243849547552855244_n