Brasil é um gigante do petróleo

ECONOMIA E EMPREGO

Brasil se torna maior produtor de petróleo da América Latina

Óleo e gás

Incentivo à competição, fortalecimento da Petrobras e alterações no marco regulatório do pré-sal foram algumas das medidas que contribuíram para o aumento da produção no setor.
petroleoinfo
por Portal BrasilPublicado: 07/08/2017 11h31Última modificação: 07/08/2017 11h48

Divulgação/PetrobrasBrasil está entre os dez países que mais produzem petróleo

Brasil está entre os dez países que mais produzem petróleo

 

As reformas do governo federal no setor energético, que incluem desde o fortalecimento da Petrobras até alterações no marco regulatório do pré-sal, levaram o Brasil a alcançar o posto de maior produtor de petróleo da América Latina, à frente de grandes produtores como México e Venezuela.

Dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP), referentes ao setor de óleo e gás no ano passado, revelam que a produção de petróleo no Brasil cresceu 3,2%. Essa é a mesma taxa média dos países da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que reúne gigantes mundiais do setor como Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.

Para especialistas, os investimentos dos últimos anos feitos pela Petrobras, especialmente na área do pré-sal, contribuíram para o aumento da produção. Eles apontam que medidas de fortalecimento do setor, a exemplo do marco que desobriga a estatal de ser a operadora única do pré-sal, podem gerar mais competição e elevar investimentos.

“O que se espera é que, em tese, seja alavancado o potencial de investimentos na área petrolífera no País. Com mais de uma empresa investindo, há uma possibilidade maior de investimentos pelas empresas”, apontou o analista de óleo e gás da Tendências Consultoria, Walter de Vitto.

Após medidas regulatórias, Petrobras retoma força e solidez

Pré-sal impulsiona produção de petróleo no Brasil

Medidas para setor de óleo e gás impulsionam economia

Produção de petróleo da Petrobras cresce 3,9% em maio

    
  • 19/06/2017 12h21
  • Rio de Janeiro
Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil
ebc
Produção média de petróleo em campos nacionais em maio foi de 2,18 milhões de barris por dia Agência Brasil

A produção média de petróleo em campos nacionais em maio deste ano pela Petrobras ficou em 2,18 milhões de barris por dia, volume 3,9% maior do que o registrado em abril. O crescimento pode ser explicado, entre outros motivos, pelo início da produção da plataforma P-66 no sul do campo de Lula, na Bacia de Santos.

Também contribuíram para o crescimento no mês o retorno à produção de duas plataformas que estavam em manutenção: P-37 (campo de Marlim na Bacia de Campos) e FPSO Cidade de Angra dos Reis (campo de Lula)

Considerando-se a produção de petróleo e gás no Brasil e no exterior, a produção total da empresa chegou a 2,8 milhões de barris de óleo equivalente (medida que junta barris de petróleo com volume de gás), sendo 2,68 milhões no Brasil e 120 mil no exterior.

A produção de óleo e gás na camada pré-sal atingiu 1,57 milhão de barris de óleo equivalente, um aumento de 5,1% acima do realizado no mês anterior e 37% superior ao resultado de maio de 2016.

Edição: Kleber Sampaio
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: