Exclusivo – Vazam detalhes da Intervenção Militar no Brasil – Parte inicial do novo Ato Institucional é revelada

Os Comandantes do Exército Brasileiro, da Marinha de Guerra, e, da Aeronáutica Militar, considerando o caos em que os civis mergulharam o Brasil, baixam o seguinte Ato Institucional:

1- Fica decretado o recesso do Congresso Nacional, das Assembleias Legislativas dos Estados, das Câmaras Municipais, e, da Câmara Distrital.

2- Ficam extintos os partidos políticos, e, fica extinta a Justiça Eleitoral.

3- Crimes de corrupção e assemelhados serão julgados por tribunais militares.

4- A Presidência da República Federativa do Brasil será exercida, em colegiado, pelos comandantes militares.

5- É decretada a intervenção federal nos estados, e, no Distrito Federal.

6- Os interventores nos Estados nomearão os interventores nos municípios.

7- Ficam suspensas a Constituição Federal do Brasil, de 05 de outubro de 1988, as constituições estaduais, e, a Lei Orgânica do Distrito Federal.

8- Os Estados e o Distrito Federal serão regidos pelo Código dos Interventores.

9- Os interventores federais nos estados baixarão as leis orgânicas dos municípios.

10- Ficam proibidas as greves, e, ficam proibidas quaisquer manifestações, seja em atos, ou, pelos meios de comunicações, contrárias à Lei e à Ordem.

11- Fica revigorado, no que couber, o ATO INSTITUCIONAL Nº 5, DE 13 DE DEZEMBRO DE 1968.

12 – Fica revogada a LEI FEDERAL No 6.683, DE 28 DE AGOSTO DE 1979. (Lei de Anistia).

13- Fica decretado o Estado de Sítio em todo o território nacional.

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: